sexta-feira, 29 de abril de 2011

Preço Justo - Você nem precisa mexer o seu traseiro gordo.

Nos primórdios de nossa existência, o homem tinha apenas um único objetivo em mente: sobreviver. O sexo não era recreativo, ocorria apenas com intuitos reprodutivos. Não havia lazer de qualquer tipo e a busca por abrigo e comida era incessante. Com o tempo aprendemos a nos organizar em grupos, percebemos que não precisávamos sair das cavernas e que era muito mais fácil sobreviver se todos trabalhassem em prol do coletivo.


Mas hoje estamos aqui. Avançados, modernos, vivendo o futuro no presente. E ao que me parece, a evolução foi muito boa para a raça humana, mas não para o homem. Para a raça humana, pois conseguimos nos expandir e hoje somos 7 bilhões deixando pegadas pelo planeta. Mas será que a evolução foi tão boa assim pro homem? Nos primórdios a luta pela sobrevivência era justa e dava a todos praticamente a mesma chance. Hoje você já nasce praticamente com seu futuro definido pelas suas condições financeiras e sociais. Então isso me faz crer que como raça obtivemos muito sucesso. Vamos durar um bom tempo por aqui. Mas em que condições?

É por isso que tantas guerras são travadas por motivos fúteis e tantas pessoas sofrem em tantos lugares diferentes. Antigamente lutava-se com as próprias armas pela sobrevivência. Hoje, centenas de milhões tem sequer o direito de lutar pela própria vida. É por isso que me irrita a inércia que a gente vê aqui no Brasil. E nem venha com argumento de que 'lá fora é igual'. Eu não dou a mínima pro que acontece lá fora. Eu moro aqui, vivo os problemas daqui e é com isso que eu devo me preocupar. Se for pra consertar algo, que seja aqui.

Os brasileiros tem uma sorte tremenda de viver num país democrático. Podemos fazer nossa voz ser ouvida e com que nossa vontade seja feita. Eu não sinto inveja do povo egípcio, que foi para as ruas lutar por um país mais justo. Os egípcios é que devem ter inveja de nós, que podemos escolher quem vai governar nosso país a cada 4 anos e temos mecanismos para mudar o que desejarmos, se assim desejarmos. Mas esse é o GRANDE problema. Não desejamos nada, não queremos nada.

Qualquer brasileiro que exija seus direitos, que busque uma melhoria para o bem coletivo ou que se manifeste a favor de qualquer tipo de mudança imediatamente vira motivo de piada. Devolver dinheiro achado faz você ser alvo de chacota entre os amigos e vira notícia em jornais. Pagar impostos e respeitar as leis vira motivo de orgulho, como se as pessoas não estivessem fazendo nada mais que suas obrigações. Isso é vergonhoso. Fazer o que deve ser feito é o mínimo aceitável.

É por isso que devemos se não admirar, ao menos respeitar quem briga pelo que acredita nesse país onde não se luta por direitos, mas por privilégios. E é por isso que eu apoio a iniciativa Preço Justo Já. Independente de ter sido começada por um amigo. Eu apoiaria até mesmo se um desafeto meu tivesse começado a campanha. O que o Felipe Neto está fazendo nada mais é do que usufruir da sua liberdade de expressão e do poder de mobilização que tem à sua disposição pra tentar mudar algo que ele acredita que está errado. Não vejo como essa atitude possa ser nociva de qualquer forma.

Não sou especialista em economia, tampouco em tributos. Na internet, de repente todos viram especialistas e de repente uma horda de críticos enfurecidos decidiu que a idéia do Felipe Neto era ridícula e motivo de piada. Mas no fundo, é tudo despeito. Eles estão criticando o Felipe Neto vlogueiro, o cara que usa óculos escuros e fala palavrão. Eles não estão sendo contra a idéia, tampouco estão criticando a forma como a idéia foi expressada. Quando o objetivo é simplesmente desmerecer o sujeito, tampouco importa a idéia que esteja querendo ser passada.

Talvez essa iniciativa não dê em nada. Mas quem disse que toda idéia dá em alguma coisa? O problema é achar que se há o risco da idéia não dar certo ela não deve ser posta em prática. Para os críticos fica o convite: ajudem a melhorar a idéia ao invés de apenas atacar o criador dela. Dêem sugestões, orientações sobre como ela pode ser melhorada e participem. Será bem mais produtivo e as chances do projeto dar certo serão consideravelmente melhoradas.

Se você concorda com a luta, acesse o site e participe deixando a sua assinatura. Está mais do que na hora das pessoas se unirem e lutarem pelo que acreditam e pelo que acham justo.

26 Comentários:

Vinny disse...

O que precisa acontecer é a Reforma Tributária: o Brasil tem uma das legislações tributárias mais complexas do mundo (arrisco dizer que é A mais complexa), mas isso envolve duas coisas que a classe política não gosta de perder: poder e dinheiro. Não vou me estender no comentário, mas este foi o post mais sensato sobre o assunto que li nos últimos dias.

Kєℓℓєη disse...

Concordo totalmente. Se outros grupos nao conseguem se organizar, nao vejo motivos para criticar aqueles que conseguem.
Se é para começar pelos eletronicos, que seja.
Se conseguirmos algo, isso dará precedente para outras conquistas.
Achei a ideia do Felipe Neto otima pois ele escolheu um motivo pelo qual desperta interesse principalmente de adolescentes.
Estrategia de mkt e publico alvo. ;)

Fernando disse...

Cuidado, joguinho é coisa de menino criado a leite com pêra. Como se caísse do céu, não fosse uma INDÚSTRIA e NÃO gerasse emprego até no Brasil.

Outra coisa interessante é ver um monte de gente ridicularizando o #jogojusto, por exemplo, e gostando de futebol, que é tão fútil quanto.

Mas é coisa de adulto, né?

Impostos: Quanto MENOS, MAIS você poderá gastar com o que bem entender (incluindo escola, hospitais, vibradores, et cetera). Quanto MENORES, melhor.

Nada no setor público é de graça. O SUS não é de graça, você PAGA por ele. Caro. E é uma grandessíssima bosta. Antes voce ter dinheiro pra pagar um plano de saúde menos pior que ser OBRIGADO(afinal o nome "imposto" não está aí por acaso) a dar, sob a ameaça de prisão, o seu dinheirinho para o governo.

Menos impostos, mas justiça e liberdade. E o Felipe Neto que é idiota.

Fernando disse...

Um adendo: Você PAGA pelo SUS mesmo não usando o SUS. Mas é uma coisa linda, né?

Vitor Luiz Rubio disse...

Não sei se vai dar certo ou se é viável. Muita coisa boa simplesmente não funciona por aqui. Já reclamei muito dos preços de eletrônicos e jogos no meu blog e porque isso incentiva a pirataria e bloqueia ou veta o desenvolvimento tecnológico do próprio país. O mercado de games não vai crescer aqui enquanto eles forem tributados como brinquedos e a tecnologia ficará estagnada até que escolas, empresas e pessoas possam comprar, estudar, usar e "redesenhar" tecnologia de ponta.
Mas tenho esperança que isso um dia mude. Por isso assinei o http://www.precojustoja.com.br/.

Só discordo de quando você disse que o Brasil é democrático. A democracia aqui tem tantos vícios que o Brasil não é muito diferente de um país totalitário. E tem países não-democráticos tão bem administrados (pelo menos melhor que o Brasil) que o povo simplesmente "ama" seus "soberanos" (as aspas são propositais e uma espécie de sarcasmo) e não veem na democracia algo necessário.

Neo disse...

Bacana, eu só acho uma pena isso estar vindo (aparentemente) separado do Jogo Justo, que é a mesma luta, específica para jogos, mas é a mesma luta pela diminuição de impostos. E o Jogo Justo já está bem estruturado para brigar.

Shoyo disse...

Você QUEM que não usa o SUS? Tá achando que o brasil só sobrevive quem tem plano de saúde pago?

Os pobres iriam viver mais na merda ainda se o Brasil não carregasse todo mundo com serviços públicos. O milagre de viver com um salário mínimo decorre de assistencias sociais não-governamentais e governamentais também.

Se quer lutar por um imposto, lute por aqueles que sofrem uma sobretaxação absurda ou são ridiculamente mal administrados. Não precisa ser nenhum especialista pra saber isso.

E também não precisa ser um especialista pra ver as notícias e ver que terá uma fábrica de IPads aqui no Brasil que vai deixar o preço do tablet lá embaixo.
Tudo isso graças, entre outras coisas, ao protecionismo tributário.

Se não conseguem esperar até o Natal (está previsto que os produzidos aqui cheguem no final do ano), então que peçam pro pai/tio/amigo que tá indo pro exterior. Ah, só não vale reclamar do aumento do IOF...

Que claro, certeza que metade do que tá lendo não sabe nem do se trata.

A preguiça de ler jornais ou sites de notícias é impressionante. A de pensar no assunto é maior ainda.

thaysa disse...

muito boa esta iniciativa do felipe neto...acho quer todos os brasileiros deveriam contribuir...afinal é para o nosso proprio benefício...

O que vem na mente disse...

Apoio a iniciativa do Felipe neto. É mais fácil falar mal e botar obstáculos a frente da campanha do #preçojusto já do que enxergar a realidade do nosso país decadente e corrupto. Infelizmente o sistema molda a cabeça do brasileiro e o faz acreditar que não mais existe uma chance de mudança e que devemos nos acomodar ao sistema. Pobres alienados brasileiros, que fazem a vontade de nosso governo, para vocês só tenho meu lamento e minha profunda tristeza. Acessem o site http://www.precojustoja.com.br/ e ajudem nessa campanha.

@faelmms

Shoyo disse...

Informações mastigadas retiradas de um blog sobre a fábrica de Ipads no Brasil:

- o projeto da Foxconn envolve a contratação de 100 mil funcionários
- 20 mil serão engenheiros
- a Foxconn tem planos para a construção de uma "cidade inteligente" para instalar a fábrica e os funcionários da empresa
- este será o investimento estrangeiro que mais terá gerado empregos na história do país
- o iPad vai passar a custar, em vez de R$ 1.500, menos de mil reais

Não há garantias de que os funcionários da fábrica serão 100% brasileiros. Isso é culpa da falta de investimento ao longo dos naos em ensino técnico.
Aliás, o governo lançou um enorme programa de incentivo a criação e modernização das escolas técnicas...

Olha, não sou nenhum especialista e nem apoio o governo (não votei na Dilma nem no segundo turno), mas eu pelo menos leio notícias, raciocino e não vivo na utopia de que vamos fazer um movimento sério a partir de argumentos equivocados.

Podem usar várias palavras bonitas, mas protestar por protestar não é bonito.

Vitor Mendes Magalhães disse...

Mas daí a afirmar que o alto preço pago por estes produtos VETAM o desenvolvimento tecnológico do país é ir um pouco além das medidas.

A campanha é justa? Lógico. O errado é imaginar que tecnologia é sinônimo de eletrônicos.

O maior exemplo são os produtos derivados do agronegócio. O pão e o leite do café da manhã, por exemplo, são fruto direto de muita tecnologia brasileira agregada.

Shoyo disse...

Em tempo, e juro que é meu último post seguido senhor Aprovador:

A fábrica ainda não está garantida, depende da palavra da Apple e da Foxconn...

Mas já não é um algo melhor a que lutar? Tá aí um movimento que eu apoiaria, mesmo se fosse o Datena Jr. aí a iniciar: O Brasil quer uma fábrica de IPads.

Vontade, pelo visto, não faltaria.

Igor Visconti disse...

Realmente, hoje em dia, quem vive lutando ou pelo menos tenta lutar por uma boa causa é motivo de chacota e piada sem graça, que na minha opinião deveria ser o contrário.O povo brasileiro está cada vez mais bestializado e acomodado no sistema nacional de injustiça e corrupção. Não estou querendo me passar por pessoa moralista,que prefiro chamar de pseudo-moralista, mas temos que mostrar ao país que a juventude calada tem prazo para acabar, se já não ocorreu isso. Torço muito para o movimento, iniciado, ou melhor, apadrinhado pelo vlogueiro Felipe Neto, continue tomando força e que seja como o próprio disse, o primeiro de muitos que viram a frente.

http://www.precojustoja.com.br/

@Igorviscont - Belo Horizonte.

Obs.: Tem muita gente, incluindo eu, que não está conseguindo assinar o manifesto com problemas no CPF. Se resolverem isso, o número de assinantes deve aumentar bastante.

Sir Tenso disse...

Eu acho que já passo da hora do brasil mudar, não só um ponto mais em tudo chega de pagar impostos para dar comida para bandidos, chega de pagar impostos para irem parar em contas da suíça de muitos políticos.
Chega de idiotas indo para rua quebrar carro de jogador porque seu time não ganho a libertadores, e ao mesmo tempo deputados palhaços e analfabetos ganham eleições com bordão de pior que está não fica!!!

O que nos faz um pais de 3º mundo é o povo pensar que não há solução. Eu penso diferente acho que sim ela existe essa solução se chama revolução e começa sempre de pequenos atos e é por isso que apoio a causa do preço justo já!!!!

niick disse...

A questão não é essa se ele fala de jogo, eletrônicos etc. O que vale é a iniciativa ! 35% do PIB é sobre impostos. Sendo que esse dinheiro É MUITO MAL GASTO!
Deputados tem auxilio xerox e em uma escola pública se tem uma máquina de xerox a tinta ainda não chegou ! Na minha opinião nada vai mudar de imediato. Digo isso pois nunca foi assim, o primeiro passo é investir em educação, criar uma sociedade culta e educada aonde todos saibam analisar e criticar. CRITICAS boas ou ruins. Desde que o LULA entrou no governo todos os 8 anos foi diminuindo o investimento em educação...e com a Dilma não foi diferente esse ano. Cortaram mais verbas ! O que um professor ganha em 1 ano um deputado ganha em nem 3 meses de trabalho.... Mas o texto está ótimo e a iniciativa do Felipe é muito boa ! Abraço !!

denkermotleja disse...

O Felipe Neto "regurgita" utopia com alta doses de clichês e senso comum. Eu não consigo ver outra coisa além de auto-promoção. Papinho de pseudo-revolucionário. Solta seus discursos com tendência anarquistas, sempre solta um "midiático" e chama as pessoas que não concordam de alienados, de manipulados, fala que o povo cai no "panis et circenses", etc. É claro que importa a pessoa por trás da ideia. Vou colocar um exemplo ridículo: E se fosse o casal Nardoni (Você pode preencher o espaço com outro desafeto...) apoiando a ideia? Quem "levanta uma bandeira" tem que ter coerência na questão "atos X palavras". Criticar o preço e colocar preços "suuuuper justos" na sua lojinha... Apenas mostra um garotinho que quer comprar mais, mas não quer gastar a grana que tem. Lembra do Collor que foi mostrado como "O Caçador de Marajás"? Pois é... Não me espanta ver esse garotinho se candidatando ou ligado com um partido. Bom, pelo menos no que ele já vota e faz propaganda disfarçada já deu para ver... Basta procurar bem sobre ele, ler o blog e tal.

Willjack disse...

Vida de Americano: iPhone, iPod, iPad, iMac, i30, iBM, Intel... Vida de Brasileiro: iPtu, iPva, iCms, iSS, iNss, iR e o iFudeu! #PiadasPower

denkermotleja disse...

Sinceramente, eu não consigo acreditar como acham o Felipe Neto genial. Gênios: Søren Kierkegaard, Nietzsche, Kafka, Aldous Huxley, Asimov, George Orwell, Lord Byron, Frida Kahlo, Santos Dummont, Chaplin, etc. Bom, o Felipe é só um homem contraditório. Suas ideias não correspondem aos atos. Cobrar (Soube que foi r$. 80, 00) para tirar foto com ele no evento com os "colírios da capricho" é justo? Cobrar r$. 40,00 em uma camisa é justo? Tudo bem que isso não afeta todo a população, só os fãs "xiitas" dele, mas ele tem que dar o exemplo. A ideia é interessante, já foi citada por vários políticos e candidatos antes, nada de inovador, a forma como ele abordou deixou com "cara" de futilidade. O que aconteceu com a "ficha limpa"? Nem aplicada foi. Há formas de burlá-la. Ooooops, inclusive tinha partido interessado por trás... Ok, Felipe Néscio, digo, Neto! ;) Divulgue a sua lojinha mesmo. Você não é genial, mas é bem malandro (Não no sentido pejorativo!). Você sabe bem "jogar".

Sir Tenso disse...

@denkermotleja

em suas palavras só leio criticas idiotas iguais as feitas pelo tão humilde piloto de formula 1 que ganha um salário "pequeno" Luiz Razia que só sabe criticar o cara pelo preço da loja dele.

Isso não é uma ação para promover ninguém é uma ação para promover reação para mostra pro governo brasileiro que quem manda é agente e não os ladrões de terno que estão lá.

No brasil dizem que a ditadura foi abolida faz tempo, porem não foi! Ela simplesmente mudou temos liberdade de expressão porem por causa de pessoas que acham que dizem ("o cara é um idiota ele faz isso para aparecer.").
Oprimem a liberdade de expressão de muitos fazendo que as manifestações virem motivos de chacota e se encere.

então faça um favor a você mesmo se não for ajudar a manifestação e se pra você o brasil está bom desse jeito cale a boca. Pois eu vejo é uma inveja de alguem que nunca fez nada pra mudar o seu mundo e tem medo que isso aconteça.

Ilzy Sousa disse...

Dúvida: Felipe Neto está aberto à sugestões? Porque, acho que no fundo, é esse o objetivo de alguns críticos do projeto (eu me incluo aqui): Muitas pessoas podem dar sugestões relevantes. Poderiamos apontar erros, mas também apontar soluções para eles.

Esse não é o tipo de projeto que vai pra frente com apenas uma cabeça pensante. Porém, que isso seja feito com respeito para ambas as partes.

Ao invés de ridicularizar os críticos, porque não usar as criticas a favor do protesto, gerando soluções?

Moh Legal... disse...

"Os brasileiros tem uma sorte tremenda de viver num país democrático"

Sorte é o caralho! Caso vc que se acha tão inteligente não saiba, a democracia no Brasil foi conquistada e com o povo lutando por ela, fato que por si só já anula todo o seu texto, onde vc faz questão de falar q o brasileiro é acomodado!

Rido disse...

Velho, fiquei esperando um tempo bom por mais um vídeo do @felipeneto. Fiquei sim muito orgulhoso de ver que alguem com o prestígio e a lideraça que hoje ele tem na internet brazuca levantando um tema relevante ao debate. Aliás, elevou o nível do debate. Mas! Como economista tenho de dizer que o texto foi mal fundamentado sim. Um movimento da magnitude que ele vem buscando criar não pode partir de uma pessoa só. @felipeneto tem sim visibilidade para dizer, mas, no entanto, faltou conteúdo, a idéia é boa, mas a coisa não é tão simples assim. E... olha só.. @ilzy a dois comentários acima já estava dizendo isso..
Deixemos de ser exageradamente pretenciosos. Temos o canal certo, a internet, temos visibilidade (er.. ou pelo menos o felipe tem) temos idéias... Enfim. Os ingredientes estão aí, mas a massa ainda tem trabalhada, ou então a bela lazanha da receita, no fim, acaba em pizza.

Oo'

Bruno disse...

Pra quem não conseguiu usar o CPF no formulário do protesto, tire os pontos e o hífen.

Danilo disse...

A Ilze e o Rido dizem praticamente tudo.

Se é para os críticos ficarem calados e só o bando de assinantes zumbis falarem então não querem opinião nem sugestão e isso se aproxima da ditadura, não da democracia. Também não houve diálogo nenhum no vídeo. Era só ele, e isso não é debate. (a não ser na china)
Já foi dito no livro "O monge e o executivo" que uma idéia contra acrescenta mais do que 10 a favor.
A idéia fundamental é boa, mas também é generalizada e mal formada. Na condição que está eu não apoio.
Duvido muito que o Felipe saiba os impactos dessas mudanças e se elas é que são a melhor solução. Os políticos também não sabem, por isso não adianta discutir com eles, como o Felipe simula.
Por fim, existem sim coisas mais importantes do que eletrônicos. Porque não fazem um movimento pela educação, saúde, alimentação ou uma reforma tributária decente? Estou criticando, não faço melhor, mas não é por isso que vou apoiar uma causa que não concordo. (do jeito que foi feita, porque na verdade ela é boa).

S.P.Q.R disse...

Essa fábrica de IPads não vai mudar nada...
O que dá dinheiro é o desenho, é simples fabricar um IPad se você sabe fazê-lo, o difícil é desenhá-lo e torná-lo útil e viável...

Postar um comentário

Marcadores

2010 Adeus Aeroporto Agências Álbuns Ameaça American Idol Aposentadoria Apple Aprovação Argentina Artigos Assassinato Ateismo Ateísmo Avião Avó Balão BBB11 Beatles Bexiga Bicicleta Bike Blogs Bom Senso Brasil Bullying Cagar Regra Cancelamento Carnaval Carro Casamento Cerveja Chile Chris Medina Ciclovia Ciência Cissa Guimarães Clipe Coleções Comportamento Compra Coletiva Congestionamento Conselho Contos Controle Corinthians Cotidiano Crítica Crônica Danilo Gentili Decisão Democracia Desconto Desrespeito Detran Devassa Diagnóstico Dicas Dilma Dinheiro Discussão Divagando Diversos Dor de Cabeça Dorflex Ecochatos Ecologia Economia Educação Educação Financeira Eike Batista Eleição Emprego Enem Engarrafamento Entrevista Enxaqueca Esportes Estatísticas F1 Facepalm Falsa Dicotomia Felicidade Felipe Massa Felipe Neto Fenômeno Fernando Alonso Figurinhas Firework Fiuk Futebol Gay Gente que Hashtag Heartbrake Warfare Home Office Hora do Planeta Inception Inclusão Digital Inclusão Social Infância Internacional Internet iPad IR João Roberto Jogo de Equipe John Mayer Juliana Justin Bieber Katy Perry Kibe Lei Leis Listas Maria Cláudia Medicina Meme Mineradores Modinha Mulheres Mundial Música Natal Nordeste Old On-Line Opções Opinião Orgulho Verde Orkut Palmada Paula Peito Piada Poder de Escolha Política Politicamente Correto Poupança Preço Justo Rafael Mascarenhas Redes Sociais Reencontro Rehab Relacionamentos Religião Resgate Roberta Ronaldo Rotina Sabrina Sato Sandy São Paulo Sapatos Senado Separatismo Serra Sociedade SP Steve Jobs Sucesso Tecnologia TOP10 Trabalho Tráfego Trânsito Troll Twitter União Ventilador Vício Vida Vídeo Videogame Violência Zé Augusto

Arquivo do blog

Online

  ©Cadê meu Dorflex? - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo