segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

A última arrancada do Fenômeno

Ronaldo resolveu se aposentar. O corpo convenceu a mente de que não dá mais. Logo ele, que sempre foi um exemplo de mentalidade vencedora. É pouco provável que alguém tenha dado tantas voltas por cima na carreira quanto ele. Mas ele não aguenta mais jogar. É muito remédio, muita pressão, muito esforço e o corpo dele não responde mais do jeito que ele quer. Normal, ele já vai fazer 35 anos.


Eu sinto uma profunda tristeza por ele. Só quem já abdicou de algo que ama sabe o que ele está sentindo agora. Se você já teve que largar por escolha própria alguma coisa ou alguém para o qual você dedicou metade de sua vida, você sabe o que ele sente nesse momento. Se você nunca passou por situação semelhante, favor recolher-se a sua insignificância e a sua vida sem sentido.

Escândalos a parte, afinal a vida particular dele é problema dele, vou sentir muita falta de ver o fenômeno jogando. Ele com uma perna só é muito superior a qualquer outro atacante em boa forma. Sei que é um comentário parcial, mas existe fã imparcial?

Espero que ele curta a vida e tudo o que ele conquistou. Que viva muito, que veja nascerem outros craques, talvez até melhores do que ele. Aproveite o dinheiro que conseguiu, a família e que todo o stress, a cobrança e as injustiças desse esporte tirano, onde você vence em conjunto e perde sozinho, sumam da sua cabeça.

E para quem o chama de gordo, acabado, ex-jogador em atividade ou diz que ele já devia ter parado há muito tempo, uma pergunta: imagine se um jornalista qualquer ou um completo desconhecido chegasse até você, no seu trabalho e falasse "abandone seu emprego agora mesmo. Você não é mais digno dele, você já deveria ter parado de fazer o que você está fazendo", qual seria a sua reação? Como você ia reagir se milhões de pessoas te acusassem, condenassem e obrigassem a abandonar o trabalho dos seus sonhos? Pois é, chamar ele de gordo e acabado perdeu a graça, não é?

E ainda há uma grande diferença: ele foi, por muitos anos, o melhor na profissão dele. Se a gente tivesse 10% da força de vontade do Fenômeno, seríamos pessoas muito melhores naquilo que fazemos.

8 Comentários:

Alex Silva Ferrari disse...

PQP, texto do caralho, parabéns, resumiu muito bem o fim de carreira digno que um grande FENOMENO, do futebol merece! Ele foi vitima de um povo que não sabe torcer e respeitar, e encarar a realidade crual a que se submete o corpo de um atleta profissional!

Parabens pelo post!

@Sol disse...

O melhor texto que eu vi até agora sobre a aposentadoria do Ronaldo.
Parabéns Marcel!

Guilherme Reis disse...

Verdade! Eu não gosto de futebol. Mas devo concordar com tudo. O cara gosta do que faz. Pra ele deve estar sendo foda.

Pedro disse...

Opa. Eu fui um dos que disse que ele na verdade só vai parar de entrar em campo, porque de jogar futebol ele já parou há uns 5 anos.

O post não me convenceu em momento algum. Mantenho minha posição. Abraço!

Tata disse...

Parabéns pelo texto!
Excelente percepção da realidade e uma ótima analogia!

rick_pk disse...

É disso que precisamos, de pessoas que saibam que na vida existem dois lados...O lado profissional e o pessoal.Não é pq ele é o FENÔMENO que ele não erra...Erra faz parte da vida, é pra isso que estamos aqui pra aprender com os erros e compartilhar os a certos...Obrigado RONALDO NAZARIO, por ter compartilhado os seus a certos com nós BRASILEIROS.Agradeço a Deus por te uma fonte de expiração assim como você.
Chegou o fim, mas o que você fez ninguém apaga da memória dos fãs do futebol! @RICKCIVILIAN

guilhermelepoli disse...

Admito que antes de ele entrar para o Corinthians — Timão! — eu nunca parei para pensar à respeito da carreira dele. Mesmo após ele ter ido para o Corinthians, eu costumava criticar ele quando tomava umas brejas com os amigos. Mas concordo que o cara é um exemplo de pessoa resiliente, que não só voltou a ser o que era após os problemas que ele teve, como também se tornou melhor do que fora anteriormente.

Postar um comentário

Marcadores

2010 Adeus Aeroporto Agências Álbuns Ameaça American Idol Aposentadoria Apple Aprovação Argentina Artigos Assassinato Ateismo Ateísmo Avião Avó Balão BBB11 Beatles Bexiga Bicicleta Bike Blogs Bom Senso Brasil Bullying Cagar Regra Cancelamento Carnaval Carro Casamento Cerveja Chile Chris Medina Ciclovia Ciência Cissa Guimarães Clipe Coleções Comportamento Compra Coletiva Congestionamento Conselho Contos Controle Corinthians Cotidiano Crítica Crônica Danilo Gentili Decisão Democracia Desconto Desrespeito Detran Devassa Diagnóstico Dicas Dilma Dinheiro Discussão Divagando Diversos Dor de Cabeça Dorflex Ecochatos Ecologia Economia Educação Educação Financeira Eike Batista Eleição Emprego Enem Engarrafamento Entrevista Enxaqueca Esportes Estatísticas F1 Facepalm Falsa Dicotomia Felicidade Felipe Massa Felipe Neto Fenômeno Fernando Alonso Figurinhas Firework Fiuk Futebol Gay Gente que Hashtag Heartbrake Warfare Home Office Hora do Planeta Inception Inclusão Digital Inclusão Social Infância Internacional Internet iPad IR João Roberto Jogo de Equipe John Mayer Juliana Justin Bieber Katy Perry Kibe Lei Leis Listas Maria Cláudia Medicina Meme Mineradores Modinha Mulheres Mundial Música Natal Nordeste Old On-Line Opções Opinião Orgulho Verde Orkut Palmada Paula Peito Piada Poder de Escolha Política Politicamente Correto Poupança Preço Justo Rafael Mascarenhas Redes Sociais Reencontro Rehab Relacionamentos Religião Resgate Roberta Ronaldo Rotina Sabrina Sato Sandy São Paulo Sapatos Senado Separatismo Serra Sociedade SP Steve Jobs Sucesso Tecnologia TOP10 Trabalho Tráfego Trânsito Troll Twitter União Ventilador Vício Vida Vídeo Videogame Violência Zé Augusto

Arquivo do blog

Online

  ©Cadê meu Dorflex? - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo